Notícias

22/02/2008 - P

22/02/08 09:09 / Atualizado em 13/12/08 10:55

minuto(s) de leitura.

Reunião da Diretoria e do Conselho Fiscal avalia atuação da Fenae

Encontro debateu questões como processo eleitoral, Jogos da Fenae, Música Fenae, projeto "Eu Faço Cultura", campanha por mais empregados e descontos dos dias parados

Fenae Net

Os membros da Diretoria Executiva e do Conselho Fiscal da Fenae estiveram reunidos ontem, em Brasília (DF). A reunião foi iniciada com informações sobre o Conselho de Administração da FPC Participações Corporativas, holding do Grupo Fenae que controla as empresas Fenae Corretora, PAR Finanças e PAR Cultural. Essa holding será reestruturada para centralizar as áreas administrativa, financeira e de tecnologia. O diretor-presidente da Fenae, José Carlos Alonso, explicou que a mudança será feita para que todos tenham um ganho de escala, uma vez que atualmente as áreas estão multiplicadas em cada uma das empresas.

Foram dadas ainda informações sobre a entrega da ambulância e dos tanques de resfriamento para o município de Caraúbas do Piauí, em ato realizado no dia 22 de janeiro. Os equipamentos foram adquiridos com doações dos empregados da Caixa, por meio da promoção “Parceria Solidária” e pela arrecadação dos “concertos por Caraúbas”. A iniciativa dessa ação foi do Comitê de Responsabilidade Social da Fenae, que atua em Caraúbas do Piauí com base nas oito Metas do Milênio da Organização das Nações Unidas (ONU).

Houve relatos sobre os últimos números apresentados pela Funcef, que vão resultar em reajuste superior a 10%, retroativo a 1º de janeiro de 2008. O número de associados, em dezembro de 2007, estava em 89.482. Quanto ao saldamento do REG/Replan, foram feitas 1.282 adesões. O processo de adesões ao REG/Replan saldado fica aberto até o dia 1º de março, data em que haverá plantão de atendimento, por ser sábado. Foi dada informação ainda de que este ano terá eleição na Funcef, em maio, marcadas para escolher um membro do Conselho Deliberativo e outro do Conselho Fiscal da fundação.

Processo eleitoral na Fenae
Na reunião foram feitos esclarecimentos sobre como ocorrerá o processo eleitoral na Fenae. O voto será feito pela urna tradicional, que estará nos locais de trabalho, e a coordenação do envio e recebimento das urnas será feita pela Comissão Eleitoral Nacional. Estão inscritas duas chapas e, até o momento, não houve pedido de impugnação de candidatos. No dia 20 de fevereiro foi aberto novo prazo, porque houve uma alteração de candidato na chapa 2.

Jogos da Fenae
Uma audiência com a presidenta da Caixa, Maria Fernanda Ramos Coelhos, foi agendada para que seja discutido o patrocínio dos Jogos da Fenae, marcados para o período de 26 de julho a 2 de agosto, em Brasília. A reunião com Maria Fernanda acontece no dia 26 de fevereiro. Para esse evento esportivo, a Apcef/DF está construindo um ginásio. Caso as obras não sejam concluídas em tempo hábil, os Jogos da Fenae deverão ser realizados no ginásio vizinho ao Clube da Apcef, o clube Minas Tênis.

Música Fenae
O Música Fenae será realizado em Alagoas, em dezembro de 2008. O regulamento desse evento deverá ser discutido na próxima reunião da Diretoria da Fenae. Será dado maior incentivo para os festivais estaduais, de modo a valorizar e estimular os eventos organizados pelas Apcefs.

Projeto “Eu Faço Cultura”
Foi distribuída uma tabela com a previsão dos shows do projeto “Eu Faço Cultura” em 2008. Já estão confirmados os eventos de Governador Valadares, no dia 14 de março, e Belo Horizonte, no dia 15 de março, com o cantor Roberto Frejat. Em ambas as cidades, haverá também oficinas de música e de produção musical.

Campanha “Mais empregados para a Caixa – Mais Caixa para o Brasil”
Foi feito um relato sobre o ato da campanha “Mais empregados para a Caixa - Mais Caixa para o Brasil” que as entidades sindicais e associativas realizaram em Porto Alegre (RS), no dia 14 de fevereiro. No ato gaúcho, dezenas de pessoas vestiram a camiseta da campanha por mais contratações na Caixa e houve boa repercussão na imprensa local.

Houve também relatos das ações da campanha na região do Pará e Amapá, onde se conseguiu diversas assinaturas e espaço na imprensa dos dois estados. Ficou decidido que serão mantidos contatos com deputados federais, deputados estaduais e vereadores, para que sejam realizadas audiências públicas na Câmara dos Deputados, em assembléias legislativas e nas câmaras municipais sobre a necessidade de contratação de mais empregados para a Caixa.

Afastamento para exercer cargos eletivos públicos
Foi informado ainda que a Caixa mudou normativo para regulamentar o afastamento de empregados eleitos para cargos públicos. Com isso quem estiver nessa situação, ao se afastar sem sair da empresa, não terá mais direito ao Saúde Caixa e perderá ainda função de confiança, caso a tenha. Com o obejtivo de levantar as diversas situações, será realizada uma pesquisa sobre o normativo anterior e o atual, para posterior análise da assessoria jurídica da Fenae.

Descontos pelos dias parados
Será priorizada a luta contra o desconto que a Caixa realizou nos contracheques dos empregados que fizeram greve em 10 de outubro de 2007, punição que atinge basicamente os empregados de Aracaju (SE), Belo Horizonte (MG) e Salvador (BA). Prioridade também será dada para a questão do Plano de Cargos e Salários (PCS).

Acesse as redes da Fenae:

Acesse e conheça as vantagens de ser um associado

Veja também
Nenhum registro foi encontrado.

selecione o melhor resultado