Notícias

9pis400 09.02.jpg

09/02/21 17:37 / Atualizado em 09/02/21 19:03

minuto(s) de leitura.

PIS/Pasep: Veja quem tem direito e como receber o abono salarial

Nesta terça (11), começaram a receber o benefício os funcionários do setor privado nascidos entre março e junho e os servidores públicos com número final de inscrição no Pasep de 6 a 9

A Caixa Econômica Federal iniciou nesta terça-feira (9) o pagamento do abono salarial 2020/2021 – ano base 2019 – para os trabalhadores do setor privado nascidos entre março e junho e os trabalhadores de empresas públicas com número final de inscrição no Pasep de 6 a 9. O saque do abono salarial pode ser realizado até 30 de junho. 

O calendário de pagamentos começou em 2020, conforme o mês de nascimento para trabalhadores da iniciativa privada (PIS) e o número final da inscrição para servidores públicos (Pasep).  Na semana passada, o governo federal antecipou o pagamento do abono para os nascidos em maio e junho, que receberiam os valores somente a partir do dia 17 de março. A antecipação também vale para os funcionários públicos ou trabalhadores de empresas estatais. 

Para os trabalhadores da iniciativa privada, o PIS será creditado em conta corrente para quem já é correntista da Caixa, ou em poupança social digital, que será criada gratuita e automaticamente. 

As poupanças digitais podem ser movimentadas pelo aplicativo Caixa Tem, que permite o pagamento de contas domésticas (água, luz, telefone e gás), boletos bancários, compras com cartão de débito virtual pela internet e compras com código QR (versão avançada do código de barras) em estabelecimentos parceiros. 

Nos casos em que o valor do Abono Salarial não possa ser creditado em conta existente ou em poupança social digital, o trabalhador poderá realizar o saque com o Cartão do Cidadão e senha nos terminais de autoatendimento, unidades lotéricas e nos Correspondentes Caixa Aqui, bem como nas agências, a partir desta quinta-feira (11). 

Para os trabalhadores do setor público, o Pasep é pago pelo Banco do Brasil. Quem tem conta no banco receberá o crédito em conta a partir desta terça. Para os demais, os saques serão liberados também a partir do dia 11 de fevereiro. 

Veja se tem direito!

 Com o reajuste do salário mínimo em janeiro, o valor do abono salarial varia de R$ 92 a R$ 1.100, dependendo do período trabalhado formalmente em 2019. Só receberá o valor total quem trabalhou os 12 meses. 

Para ter direito ao abono salarial, o trabalhador deve ter recebido, em média, até dois salários mínimos mensais com carteira assinada e exercido atividade remunerada durante, pelo menos, 30 dias em 2019. 

É preciso ainda estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter os dados atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais) ou eSocial, conforme categoria da empresa. 

Os trabalhadores que não sacaram o abono salarial do calendário anterior, de 2019/2020 – ano-base 2018, finalizado em 29 de maio do ano passado, ainda podem retirar os valores. O prazo vai até 30 de junho deste ano e o saque pode ser feito nos canais de atendimento com cartão e senha Cidadão, ou nas agências da Caixa. 

A consulta sobre o direito ao benefício, bem como ao valor à disposição, pode ser feita por meio do aplicativo Caixa Trabalhador, pelo atendimento Caixa ao Cidadão (0800-726-0207) e no site www.caixa.gov.br/abonosalarial.

 

 

Acesse as redes da Fenae:

Acesse e conheça as vantagens de ser um associado

Veja também
Nenhum registro foi encontrado.

selecione o melhor resultado