Notícias

20210601MoradiaCida600x400.jpg

01/06/21 17:00 / Atualizado em 01/06/21 15:47

minuto(s) de leitura.

Parceria da Fenae e Moradia e Cidadania viabilizará projetos das Apcefs para promover desenvolvimento sustentável em comunidades carentes

O objetivo é atender comunidades localizadas no entorno das Associações do Pessoal da Caixa com ações de educação e segurança alimentar

 

Foi lançado nesta terça (1/06) o edital para as Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Apcefs) apresentarem projetos com o objetivo de atender comunidades em situação de vulnerabilidade nos arredores dessas entidades. A iniciativa é fruto da parceria firmada pela Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa (Fenae) e a ONG Moradia e Cidadania, para fortalecer a atuação social das duas entidades.

Os projetos deverão estar em sintonia com as diretrizes da Agenda 2030 - Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), estabelecida pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 2015. O plano indica 17 objetivos e 169 metas, para erradicar a pobreza e promover vida digna para todos até 2030.

A parceria da Fenae e Moradia e Cidadania prevê ações de melhoria de qualidade de vida por meio de projetos que envolvam atividades esportivas, culturais, de educação complementar para crianças e jovens, utilizando o potencial social existentes nas sedes sociais das Apcefs; capacitação para geração de renda que envolvam o conceito de economia solidária, de educação ambiental, dentre outros.

Neste primeiro edital, serão avaliados projetos que contemplem dois eixos de atuação: educação e segurança alimentar. As ações, adequadas a realidade local, serão desenvolvidas pelas Apcefs e as coordenações estaduais da ONG.

“Faz parte da história da Fenae levar a promoção do bem-estar dos empregados da Caixa e também da população. Essa parceria vem fortalecer esse compromisso da Federação com uma sociedade mais justa. As Apcefs poderão construir com as coordenações estaduais da Moradia e Cidadania ações que tornem realidade nosso desejo de transformação”, destaca Sergio Takemoto, presidente da Fenae.

O presidente da ONG Moradia e Cidadania, Laurêncio Korbes, lembra que há mais de 20 anos a instituição vem trabalhando em ações estruturantes nas áreas de educação e geração de emprego e renda por todo o país e que a parceria com a Fenae e Apcefs vem reforçar essa atuação.

“Tem uma importância muito grande o trabalho conjunto dessas duas instituições dos empregados da Caixa. Estamos somando forças em projetos de desenvolvimento sustentável no entorno das Apcefs. Trabalhando em parceria, poderemos fazer muito mais pelas pessoas que são necessitadas”, frisou Korbes.

Atuação social 

Contribuir para a melhoria da qualidade de vida de famílias em situação de pobreza tem sido uma preocupação constante do movimento associativo dos empregados da Caixa. A Fenae e as Apcefs têm levado ações de desenvolvimento sustentável por meio do Movimento Solidário, criado em 2005. O programa já contemplou com projetos de segurança alimentar e geração de emprego e renda o município de Caraúbas do Piaui (PI) e atua em Belágua (MA) desde 2015, com 30 comunidades contempladas.

A Moradia e Cidadania foi criada em setembro de 2000 por empregados da Caixa como organização não-governamental (ONG), a partir dos Comitês de Ação da Cidadania, criados em 1993 pelo sociólogo Herbert de Souza. Um ano depois foi reconhecida como entidade de Utilidade Pública Federal e recebeu do Ministério da Justiça a qualificação de Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP). 

A organização atua em todo o país por meio de coordenações estaduais, visando a promoção da cidadania de populações em situação de vulnerabilidade social com ênfase na educação, geração de trabalho e renda e ações de combate à fome e à miséria. 

Confira aqui o edital.

 

Acesse as redes da Fenae:

Acesse e conheça as vantagens de ser um associado

Veja também
Nenhum registro foi encontrado.

selecione o melhor resultado