Notícias

Funcef600x400.jpg

16/03/17 14:35 / Atualizado em 28/03/17 12:59

minuto(s) de leitura.

Funcef não confirma quando começará equacionamento do déficit de 2015

Sem informação, participantes do REG/Replan Saldado e Não Saldado permanecem sem saber o que vem pela frente

Notícias

Os participantes da Funcef continuam sem saber quando vão começar as contribuições extraordinárias referentes ao déficit de 2015, cujo início estava previsto para fevereiro. No começo do ano, a Fundação propôs à Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc) o adiamento de 60 dias no prazo de aprovação do plano de equacionamento, mas até o momento, a diretoria do fundo de pensão não confirmou se a solicitação foi aceita. Com isso, cerca de 60 mil participantes do REG/Replan Saldado e Não Saldado seguem sem saber o que vem pela frente.

“As pessoas precisam se programar, saber com antecedência o que terão de pagar. É um assunto muito delicado para a Fundação conduzir sem dar satisfação aos participantes”, critica a diretora de Administração e Finanças da Fenae, Fabiana Matheus.

Diante de dúvidas apresentadas pela Previc acerca da proporcionalidade das contribuições extraordinárias entre Caixa e participantes, a Funcef solicitou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) no qual seria definido o cronograma de elaboração e aprovação do plano de equacionamento. A Fundação informou, na ocasião, que constituiria um grupo de trabalho para estudar a questão. Os resultados desse estudo também não foram publicados.

Acesse as redes da Fenae:

Acesse e conheça as vantagens de ser um associado

selecione o melhor resultado