Notícias

aposentados-600x400 _1_.png

16/01/20 12:33 / Atualizado em 16/01/20 14:31

minuto(s) de leitura.

Funcef, aposentados trabalham por necessidade e não por diversão

Matéria veiculada pela Funcef quer mascarar a realidade dos aposentados que estão cada vez mais endividados e doentes

Música Fenae

 

Com a matéria “Descubra o que aposentados CAIXA estão fazendo depois dos 60” publicada em 6 de janeiro, a Funcef traz um cenário fantasioso de trabalhadores que supostamente estão “buscando novos desafios” através do empreendedorismo.

A realidade, no entanto, mostra justamente o contrário. A pesquisa Realidade dos Trabalhadores da Caixa, encomendada pela Fenae revelou que o aposentado da Caixa tem 40% da renda mensal comprometida com o pagamento de dívidas e cerca de 20% dos seus proventos implicados com o pagamento dos equacionamentos da Funcef. Quase 97% pagam, em média, R$ 1,6 mil por mês só de equacionamento.

Os 40% restantes são insuficientes para pagar por moradia, alimentação, remédios, gastos com dependentes e todo o resto, o que explica o alto endividamento e a necessidade de retornar ao mercado de trabalho. Cerca de 60% dos aposentados que voltaram a trabalhar afirmam que o motivo foi a necessidade financeira e não por diversão, como afirma a Funcef.

O endividamento, como mostra a pesquisa da Fenae, representa hoje, um dos principais motivos para o adoecimento dos trabalhadores. A terceira idade cheia de “saúde e vontade trabalhar” citada pela Funcef, são na verdade trabalhadores que desenvolveram depressão, ansiedade, hipertensão e diabetes por causa do excesso de trabalho.

Se não bastasse a falta de dinheiro para arcar com seus compromissos, o fim do convênio da Funcef com o INSS é a pá de cal na grave situação dos aposentados, que ganharão praticamente a metade de seus proventos quase 15 dias depois do benefício da fundação. 

“A Funcef deveria se solidarizar à grave situação em que vive o aposentado, mas enquanto muitos aposentados sofrem por não conseguirem pagar suas dívidas básicas, a Funcef parece viver em uma realidade alternativa. É uma falta de respeito sem tamanho”, protesta a Diretora de Saúde e Previdência da Fenae, Fabiana Matheus.

 

Acesse as redes da Fenae:

Acesse e conheça as vantagens de ser um associado

Veja também
Nenhum registro foi encontrado.

selecione o melhor resultado