Notícias

2020AnoSolidario400.jpg

07/01/21 08:20 / Atualizado em 07/01/21 11:23

minuto(s) de leitura.

Em 2020, Movimento Solidário ajuda Belágua a enfrentar pandemia

A prioridade foi garantir equipamentos de saúde e dar segurança alimentar para as famílias

Logo no início de 2020, o Movimento Solidário em Belágua, no Maranhão, inaugurou dois projetos, um poço artesiano e um tanque de piscicultura nas comunidades Brandura e de Cabeceira da prata, com 24 famílias beneficiadas e reestruturou a produção de mel e conservação de abelha sem ferrão em Preazinho, com lançamento da marca de mel Flor Mirim. Mas com o início da pandemia do coronavírus a prioridade foi mobilizar os empregados da Caixa e a sociedade na ação emergencial “Juntos por Belágua”, e garantir segurança alimentar e sanitária para as 27 comunidades atendidas.   

Dos dias 8 de abril a 31 de maio, 5.075 pessoas doaram mais de R$ 116 mil em pontos do Mundo Caixa ou em dinheiro pelo PagSeguro.  Essa ação beneficiou 784 crianças e 140 idosos com a distribuição de alimentos e produtos de higiene e limpeza para um contingente de 1.813 pessoas.  

Além da ajuda prestada por empregados da Caixa e por pessoas dos mais diferentes lugares do país, a campanha 'Juntos por Belágua' recebeu também doações dos funcionários da Fenae, Apcefs e Integra. Esse trabalho de solidariedade teve ainda a colaboração de empresas parcerias como a Wiz Soluções, a Petrarca ADV, a Monumenta e a LTM. “A contribuição de cada um fez bastante diferença na vida de quem precisa do básico para viver. As pessoas abraçaram a oportunidade de ser solidárias', declarou Sérgio Takemoto, presidente da Fenae.  

O diretor do Instituto Fenae Transforma, David Borges, afirma acreditar que as comunidades, mesmo que já estejam conquistando autonomia, necessitavam dessa ajuda temporária nesse momento de crise. 'O mais gratificante das campanhas de Belágua é ver a união de todos os envolvidos na construção coletiva', reitera. 

Mais comunidades 

No final de 2020, com todos os cuidados e seguindo todos os protocolos, mais três comunidades passaram a ser atendidas pelo Movimento, com o início da construção de um poço artesiano na comunidade de Centro Velho e dois tanques para a criação de peixes em Estiva da Josefa e Marinzal, beneficiando mais 52 famílias e 244 pessoas no município maranhense. O Movimento Solidário chega agora a 30 povoados no município de Belágua (MA). 

 “Tudo isso foi possível, mesmo em tempos de pandemia, graças às doações do empregado Caixa e do apoio de empresas parceiras. O que mais nos anima é saber que as famílias abraçam os projetos e transformam suas vidas de forma coletiva e solidária”, afirma Francisca de Assis Araújo, diretora de Impacto Social da Fenae.

 

Acesse as redes da Fenae:

Acesse e conheça as vantagens de ser um associado

Veja também
Nenhum registro foi encontrado.

selecione o melhor resultado