Notícias

24/08/2015 07:49 / Atualizado em 24/08/2015 07:51

minuto(s) de leitura.

Comemorado no sábado Dia do Folclore, criado para resgatar e valorizar a diversidade cultural no Brasil

Termo foi criado pelo pesquisador inglês William John Thoms, que em 22 de agosto de 1846 publicou um artigo intitulado "Folk-lore". Desde 2009, em parceria com as Apcefs, Fenae promove atividades em todo o país para o resgate da cultura popular. Este é o caso do Dia do Saci, com programação para o mês de outubro

Fenae Net

Ocorreu neste sábado, dia 22 de agosto, a comemoração Brasil afora do Dia do Folclore. A data surgiu em 1965, quando o então presidente e ditador militar Castello Branco assinou o decreto federal n° 56.747, denominando 22 de agosto como o Dia do Folclore brasileiro. No estado de São Paulo, por exemplo, um decreto estadual instituiu agosto como o mês do folclore.

O Dia do Folclore foi criado com o objetivo de resgatar e valorizar a diversidade cultural brasileira. Folclore, por definição, é o conjunto de todas as tradições, lendas e crenças. O termo foi criado por William John Thoms, pesquisador inglês da cultura européia, que, em 22 de agosto de 1846, publicou um artigo intitulado "Folk-lore". A palavra é a união de dois vocábulos saxônicos antigos: folk em inglês significa povo e lore, conhecimento.

No Brasil, já virou tradição promover eventos durante toda a semana que antecede o Dia do Folclore. Nas escolas, durante todo o mês de agosto, são realizadas atividades para relembrar personagens como o saci-pererê, o curupira e o lobisomem, entre outros.

Movimento associativo: resgate da cultura popular
Desde 2009, em parceria com as Apcefs, a Fenae promove atividades em todo o país para o resgate da cultura popular, adequadas à realidade de cada associação. Assim ocorreu em relação ao “Dia do Saci”, comemorado em 31 de outubro. Novas celebrações em torno desse personagem do folclore brasileiro estão previstas no calendário 2015 e estarão no ar em breve.

A previsão é de que a edição deste ano do Dia do Saci nas Apcefs, com o apoio da Fenae, ocorra a partir do início de outubro. A programação com as diversas atividades será divulgada posteriormente.

Como lenda do folclore nacional, o saci-pererê originou-se entre as tribos indígenas do sul do Brasil. Ele possui apenas uma perna, usa um gorro vermelho e sempre está com um cachimbo na boca.

A principal característica do saci é a travessura. Muito brincalhão e moleque, ele se diverte com animais e pessoas, causando transtornos como queimar o feijão, esconder objetos, jogar os dedais das costureiras em buracos etc.

No Brasil, o Dia do Saci foi instituído extraoficialmente em 2005, a fim de restaurar as figuras do folclore brasileiro, em contraposição ao Halloween, dia das bruxas nos Estados Unidos.

Acesse as redes da Fenae:

Acesse e conheça as vantagens de ser um associado

Veja também
Nenhum registro foi encontrado.

selecione o melhor resultado