Notícias

Fachada Caixa 600 x 400.jpg

01/02/21 19:46 / Atualizado em 01/02/21 19:46

minuto(s) de leitura.

Caixa precisa contratar mais empregados para atender as demandas das novas agências

Entidades cobram mais empregados para a Caixa. Confira os munícipios que receberão as novas agências da Caixa

O anúncio da abertura de 75 agências da Caixa, 20 delas especializadas no agronegócio, veio acompanhado de uma dúvida. Quantos empregados serão contratados para atender essa nova demanda? No último dia 22 de janeiro, o presidente do Banco, Pedro Guimarães, informou que 500 novos empregados seriam contratados, mas o número ainda está bem abaixo do deficit de mais de 19 mil trabalhadores que o banco apresenta. A Fenae e as entidades representativas dos empregados e movimentos sindicais têm reivindicado mais contratações para a Caixa.


A abertura de novas agências é algo importante para a população, como destacou o presidente da Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa (Fenae), Sergio Takemoto. Mas ele ressalta a necessidade de mais trabalhadores para essas novas agências e mesmo aquelas que necessitam de pessoal. "Esperávamos que o governo falasse que ia ter mais contratações, melhores condições de trabalho. Os 500 postos anunciados são importantes, mas não suficientes. Enquanto isso, os empregados seguem sobrecarregados e a população pode ter o atendimento prejudicado”, reforçou Takemoto.

Nesta segunda-feira (01), a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), por meio da Comissão Executiva dos Empregados da Caixa (CEE/Caixa), enviou um ofício para a direção da Caixa cobrando a contratação de mais trabalhadores para atender às novas agências e melhorar as condições de trabalho dos empregados que estão sobrecarregados.

A coordenadora da CEE/Caixa e secretária da Cultura da Contraf-CUT, Fabiana Uehara Proscholdt, lembrou que o movimento sindical sempre cobrou a contratação de mais empregados, inclusive na última mesa de negociação permanente, realizada no dia 03 de dezembro de 2020. “Na Caixa temos um déficit de mais de 19 mil postos de trabalho. Isso somado às condições precárias de trabalho e às metas desumanas, faz com que os empregados estejam em sua maioria esgotados e adoecidos. Com mais contratações, com certeza, a situação melhoraria, pela distribuição de atividades. Mas, reforçamos que a contratação de 500 funcionários diante da abertura de 75 novas agências é muito pouco perto da necessidade”, avaliou.

Para além de reforçar o quadro pessoal, mais contratações também significa melhores condições de trabalho, como destacou a coordenadora. Um ponto também há muito tempo reivindicado pelos representantes dos empregados.

“Reforçamos a reivindicação também de melhores condições de trabalho, como reforço dos protocolos contra o Covid-19, sistemas constantes e ágeis, manutenção de equipes de apoio como recepcionistas e vigilantes. Isso também propicia melhor atendimento para a sociedade”, completou a coordenadora da CEE, Fabiana.

Abaixo-assinado

Para lutar por mais contratações e menos filas, a Fenae e a Contraf/CUT iniciaram o trabalho de coleta de adesões a um abaixo-assinado, cujo objetivo é reivindicar a recomposição do quadro de empregados, que tem caído anualmente. A iniciativa foi adotada com base no entendimento de que, sem investimentos, o banco lida com a precarização dos atendimentos à população, enquanto, para os trabalhadores, o resultado é cansaço e adoecimento.

Confira onde serão abertas as novas unidades

Nordeste

Maranhão
Colinas
São Mateus do Maranhão
Amarante do Maranhão
Bom Jardim
Tuntum
Santa Helena
São Bento
Araioses
Coelho Neto
Lago de Pedra
Vargem Grande
Tutóia
Caroatá
Itapecuru Mirim
Santa Luzia
Buriticupu
Piauí
Bom Jesus

Paraíba
Queimados
Pernambuco
Santa Maria da Boa Vista
Águas Belas
Sirinhaém
Brejo da Madre de Deus
São Bento de Una
Moreno
Petrolina

Ceará
Itarema
Amontada
Mombaça
Pedra Branca
Beberibe
Granja
Viçosa do Ceará
Aquiraz
Missão Velha

Bahia
Sento Sé
Barreiras


Norte

Pará
Augusto Corrêa
Baião
Pacajá
Rurópolis
Óbidos
Itupiranga
Vigia
Acará
Alenquer
Monte Alegre
Ulianópolis
Viseu
Portel
Santana do Araguaia
São Feliz do Xingu
Soure

Amazonas
Benjamin Constant
São Gabriel da Cachoeira
Rondônia
Machadinho do Oeste

Centro-Oeste

Goiás
Parangatu
Cristalina
Rio Verde

Mato Grosso
Canarana
Campo Novo do Parecis
Sorriso

Mato Grosso do Sul
Chapadão do Sul
São Gabriel do Oeste
Dourados

Sudeste

Rio de Janeiro
Mangaratiba
Casimiro de Abreu

São Paulo
Bauru
CEAGESP

Minas Gerais
Patrocínio
Araxá
Uberlândia

 

Acesse as redes da Fenae:

Acesse e conheça as vantagens de ser um associado

Veja também
Nenhum registro foi encontrado.

selecione o melhor resultado