Notícias

materia-valorizacao-caixa-covid-600x400px_novaRV2.jpg

18/06/20 15:48 / Atualizado em 18/06/20 15:56

minuto(s) de leitura.

#ACaixaÉTodaSua: crise mostra o trabalho essencial dos trabalhadores da Caixa

Em nova fase, campanha defende a valorização do empregado Caixa e a atuação incansável para manter o papel social do banco público

Defender e valorizar os trabalhadores da Caixa é a essência da campanha #ACAIXAÉTODASUA, que entra em uma nova fase: "Obrigado, pessoal da Caixa. Vocês são essenciais para o Brasil seguir em frente” e está sendo veiculada nas rádios e TVs em todo país.

Os empregados da Caixa têm mostrado para a sociedade que são essenciais durante a crise da Covid-19. Ao contrário da visão privatista do governo, estes trabalhadores confirmam a importância do banco público como principal instrumento de auxílio às famílias que sofrem as consequências da pandemia.

A nova etapa da #ACAIXAÉTODASUA é uma forma de agradecer o trabalho dos colegas, principalmente neste momento que exige muito de todos, como explica o presidente da Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Fenae), Sérgio Takemoto.

"A mobilização pela Caixa 100% pública não para. Precisamos mostrar a toda a sociedade a importância de um banco público que cumpre sua função social. Por isso, a luta pela manutenção da Caixa 100% pública”, afirmou Takemoto.

Os empregados da Caixa têm trabalhado incansavelmente para cumprir o papel social da Caixa nesta pandemia. “Os empregados estão fazendo um trabalho maravilhoso, colocando em risco a saúde para cumprir o papel da Caixa e atender a população brasileira, principalmente os mais carentes. Extrapolam o horário, têm trabalhado aos sábados, numa rotina estressante”, ressaltou o presidente da Fenae.

Desde o início da pandemia, os empregados mostram a força da Caixa. No entanto, a direção da Caixa segue desconhecendo a realidade dos trabalhadores e do país. “Os trabalhadores do banco e a população são vítimas da ineficiência e da irresponsabilidade do governo”, observou Takemoto.

As entidades que representam os bancários têm atuado fortemente para garantir a proteção da saúde e da vida dos empregados e da população. Graças a essa mobilização, a Caixa definiu o protocolo de saúde para os empregados. Porém, no momento em que os números de contaminados pela Covid-19 cresce em todo o país, o banco relaxou os protocolos.

"As entidades e a Fenae não vão aceitar retrocesso e colocar os empregados em risco. Continuamos cobrando a Caixa para que adote os protocolos que protegem a saúde e salvam a vida dos trabalhadores e da população, evitando a contaminação", ressaltou Takemoto.

O início da campanha

A campanha #ACAIXÉTODASUA foi lançada em outubro de 2019. Ela surgiu com o objetivo de alertar os empregados e a sociedade sobre os prejuízos que a venda das partes lucrativas do banco público causaria ao país. A agenda de privatização da Caixa foi travada por causa da pandemia, mas o governo não desistiu e prepara a abertura de capital da Caixa Seguridade, Caixa Cartões e Loterias.

A Fenae e as entidades representativas seguem ativas na luta contra as privatizações.

Veja abaixo o vídeo da campanha #ACAIXÉTODASUA
 

Acesse as redes da Fenae:

Acesse e conheça as vantagens de ser um associado

Veja também
Nenhum registro foi encontrado.

selecione o melhor resultado